Faça-o você mesmo

Para começar com Pladur®

Para realizar qualquer elemento construtivo para tabicaria interior (tabiques, tectos ou trasdosados) é necessário ter em conta qual é a unidade que se deseja construir e que características deve ter essa unidade construtiva (acústica, fogo, zona húmida, etc.). Em função da razão e do modo anteriores temos de levar em conta os elementos ou materiais que configuram as referidas unidades construtivas.

 

Para começar com Pladur® necessita de: 

 

Placa(s) de gesso laminado Pladur®: São materiais para a construção formados por uma alma em base de gesso recoberta em ambos os lados por camadas de celulose especial multi-folha. Apresentam-se em placas de diferentes medidas(a largura mais habitual é de 1,2 m e comprimentos variáveis de 2,50 a 3,00 m.) bem como diferentes espessuras (10, 13, 15, 19 e 25 mm), utilizando-se a mais adequada para a instalação desejada. É um material muito agradável ao tacto, quente, não inflamável, que pode ser cortado, aparafusado, furado, apresentando também um excelente comportamento perante o fogo, sendo bom isolante térmico e permite grandes isolamentos acústicos, além de ser um regulador natural da humidade.

 

Perfis Pladur®: são elementos de chapa de aço galvanizado de diferentes espessuras e formas, segundo a sua localização e destino, que formam a estrutura portante do Sistema dando-lhe solidez e consistência.

.
Denominam-se montante os elementos verticais cuja distância de instalação (modulação) varia entre 40 a 60 cm nas instalações mais frequentes para tabiques, trasdosados e tectos. São perfis em forma de “C” com perfurações em forma oval que permitem a passagem das instalações. As faces laterais do perfil apresentam-se moletadas e com os seus eixos marcados, para facilitar a operação do aparafusado.

 

.

 

Chamam-se canais aos elementos que formam a estrutura horizontal de tabiques e trasdosados, encaixando-se neles os montantes. Há canais de diferentes espessuras, que o usuário deve escolher em função da instalação desejada.

 

 

 

 

No caso das unidades para tectos, o angular é o elemento que configura a estrutura perimetral, existindo angulares de diferentes dimensões e largura de asa. E os perfis que são os elementos portantes constituem a estrutura dos tectos.

  

Há perfis diferentes em função dos Sistemas a instalar.


Pastas Pladur®:
são as utilizadas no tratamento das juntas de união entre as placas Pladur®. Compõem-se de duas famílias: 

 

 

Pastas de secagem Pladur®: está disponível em dois formatos diferentes: presentação em pó (sacos para misturar) ou em pasta (embalagens prontas a usar). O seu tempo de secagem é grande, entre 12 e 24 horas. O enchimento das juntas deve realizar-se assim que a passagem anterior tiver secado. Há diferentes pastas de secagem em função do Sistema Pladur® em que se deseje instalar.

 

 

 

 

 

Pastas de fraguado Pladur®: apresentam-se em pó (sacos) e permitem o tratamento

de juntas independentemente das condições climáticas, uma vez aglutinam num tempo determinado (de hora e meia a quatro horas, conforme o produto). Não são aconselháveis para a sua aplicação com máquinas automáticas para o tratamento de juntas.

 

Também Pladur® comercializa uma pasta denominada pasta multiusos Pladur® especialmente indicada na colagem das placas Pladur® a suportes secos (por exemplo na realização de um trasdosado directo) ou no tratamento de juntas entre placas.

 

Acessórios: existe uma ampla gama de acessórios Pladur® em função das necessidades e das prestações que se desejem conseguir no Sistema a executar.

 

Para o acabamento correcto dos Sistemas Pladur® são necessários os seguintes acessórios:  

 

Parafusos Pladur® existem vários modelos e comprimentos em função do Sistema a executar. Há dois grandes tipos que são PM, para aparafusar placas a perfis metálicos e MM, para aparafusar os perfis entre si.

 

Cintas de juntas Pladur®, para a execução das juntas entre as placas, existem diferentes variedades em função de cada necessidade, (p. ex.: pequenas reparações, fissuras, etc.)

 

 

 

 

Juntas estanques Pladur®: indicadas para a selagem dos perímetros entre os Sistemas Pladur® e os forjados, paredes existentes, tectos, etc. São auto-adesivas para colar aos perfis na face que estiver em contacto com o solo, tecto, etc.

 

Há também uma série de elementos acessórios ao Sistema em si, que correspondem às necessidades e exigências de cada instalação como:

 

Portinholas de registo Pladur ®: são elementos  que facilitam a abertura para a manutenção de instalações no interior das unidades construtivas Pladur® (tectos, trasdosados e tabiques) os seus acabamentos são indicados para posterior pintura ou colocação de azulejos.

 

 

 

Suporte para equipamento sanitário Pladur®: são elementos para a fixação dos equipamentos sanitários suspensos no interior da armação dos tabiques ou nos trasdosados Pladur®. Existem diferentes suportes em função das necessidades.

 

Perfis de acabamento Pladur®: são perfis de PVC de diferentes formas em função do seu uso que reforçam e proporcionam um melhor acabamento em esquinas, recantos, arcos, remates especiais, dos Sistemas Pladur®.